quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Rainha de Luz

Vou me embrenhar em tua flor
com minha boca faminta
e minhas mãos ávidas
para encontrar teus gemidos e teu gozo.

Vou perder a razão quando nossos sexos se unirem
e nossos corpos se transformarem em apenas um:
um Ser desprovido de razão. Puro instinto.

Vou desabar em uma paz interna
quando só tivermos amor para dar ao outro
e enfim nos alimentaremos das nossas essências.

Marquinho Mota

4 comentários:

alciete disse...

Coisa mais linda que li nos ultimos dias. Parabens!!!

Cleide Magalhães disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Lucia Helena disse...

Só posso dizer uma coisa:
UUUUUUUUUUUUUUAAAAAAAAAAAAAAAAAAUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUU!
Bjs no coração.

Cleide disse...

Hum....não tenho palavras para definir. Beijos